Belo Horizonte Get Eagles bate Botafogo Challengers e conquista a II Copa America de Fútbol Americano

O coach americano Clayton Lovett passa instruções para os Eagles. Foto Eddie Aragão/Eagles

Na noite deste sábado (6) (no horário de Brasília), o Belo Horizonte Get Eagles bateu o Botafogo Challengers por 13 a 0, em partida válida pela final da II Copa America de Fútbol Americano, realizada em Huixquilucan, no México. Com o resultado, a equipe mineira conquista o título de melhor da América Latina pela Unión Internacional para el Desarrollo del Fútbol Americano en Latinoamerica (Uidfal).

O jogo entre os brasileiros, que era para ser uma semifinal, transformou-se na final da segunda temporada, já que as outras duas equipes mexicanas que fariam a partida da outra chave foram eliminadas por indisciplina – os dois times brigaram em campo e foram excluídos da competição.

Para chegar a semifinal/final, os Eagles perderam na estreia para os mexicanos dos Leones de la Anáhuac por 26 a 14, derrotaram os romenos do Cluj Crusaders por 6 a 0 e venceram os colombianos do Titanes de Cali por 34 a 0. Já os paulistas derrotaram os mexicanos do Heróico Cuerpo de Bomberos Arena por 12 a 8, o selecionado do Peru por 9 a 7 e os colombianos do Yaks FC por 20 a 6.

No duelo entre mineiros e paulistas, o quarterback #9 Álvaro percorreu 18yd para chegar a endzone e anotar o touchdown, logo no primeiro quarto. O kicker #31 Gustavo conferiu o PAT. Com o embate equilibrado, os Eagles terminaram a primeira metade à frente por 7-0.

Na etapa complementar e no quarto período, o running back #14 Igor Mota encontrou um espaço na defesa dos Challengers e correu 15yd para ultrapassar a goal line e decretar a vitória do elenco de Belo Horizonte e o primeiro título da jovem equipe. Final 13-0.

Agora, os Eagles voltam as suas atenções à disputa do campeonato mineiro. A estreia do elenco de Belo Horizonte está agendada para o dia 12 de março, contra o atual bicampeão estadual, o Minas Locomotiva.

Confira o calendário de jogos do campeonato mineiro

Já os Challengers possivelmente disputarão a Copa São Paulo, que ainda não tem a programação divulgada pela Fefasp.