Brasil Onças mostra melhores números mas perde para o Outback Team Australia na IFAF World Championship

Molloy anota o 2pts conversion para os australianos. Foto Joe Frollo/USA Football

Na tarde desta quarta-feira (15), o Brasil Onças entrou em campo pela última vez na IFAF World Championship, em Canton/Ohio, nos Estados Unidos. A Seleção Brasileira foi derrotada pelo Outback Team Australia por 16 a 8, em partida válida pela disputa à briga pela quinta colocação no Mundial.

Assim como na derrota para os Fighting Frogs da França, os brasileiros pecaram no ínicio do confronto, os aussies exploraram o jogo aéreo para anotar o touchdown com 51 segundos de partida. Em uma grande jogada do quarterback #3 Jared Stegman, o atleta conectou o wide receiver #82 Matthew Riles em um passe de 58yd para a endzone. No PAT, o free safety #6 Damien Molloy encontrou um buraco na linha defensiva para marcar o 2pts conversion. No final do primeiro quarto, o full back #37 Nathan Lansdell correu 4yd no gap A para ultrapassar a goal line e marcar o segundo TD dos australianos. O próprio Lansdell tratou de converter mais dois pontos extras.

No segundo quarto, a defesa brasileira entrou em campo. Com boas atuações do defensive tackle #97 Bruno “Gardenal” da Silva, o QB Stegman sofreu os primeiros danos dos Onças. E o quarterback #1 Rhudson Fonseca liderou o ataque para bater na porta da redzone adversária pela primeira vez, mas erros em chamadas de 4th down evitaram que o Brasil pontuasse.

Apesar do jogo terrestre não ter funcionado no primeiro tempo, o ataque aéreo trouxe esperança aos brasileiros.

halftime-stats
Watch ESPN/Reprodução

Na volta do intervalo, a defesa brasileira seguiu impedindo grandes avanços dos australianos. O quarterback #4 Ramon “Mamão” Martire levou o ataque até a porta da redzone australiana pela segunda vez, mas em uma quarta descida, o Brasil falhou em buscar a pontuação.

Foto Joe Frollo/USA Football
#33 Heron Azevedo comemora TD com #88 Felipe ‘Cebola’. Foto Joe Frollo/USA Football

No último quarto, o head coach Dan Muller promoveu a entrada do jovem QB #8 Rodrigo Dantas. O quarterback, em jogadas de no-huddle, conseguiu levar o time a endzone com um passe de 10yd para o tight end #88 Felipe “Cebola” Leiria. No PAT, Fonseca lançou o tight end #86 Breno Takahashi para conquistar o two point conversion e botar fogo no duelo.

O kicker #3 Diego Aranha buscou o onside kick para tentar recuperar a posse de bola, mas sem sucesso. A defesa – comandada por Gardenal, mais os linebackers #59 Gerson “Polamalu” Santos e #52 Pablo Chalfun – conseguiu parar o ataque adversário. Dantas teve a chance de empatar o jogo, porém o QB foi interceptado pelo strong safety #22 Damien “Bluey” Donaldson para eliminar a esperança tupiniquim na Copa do Mundo. Final 8-16.

Mesmo com a derrota, ataque do Brasil Onças apresentou números melhores do que o Outback Team Australia. Foram 13 fisrt downs brasileiros contra 8 dos australianos, 278yd contra 206 do rival, 26:19 minutos de posse contra 21:41 do time da Oceania.

Dantas completou 11 de 21 passes para 126yd, um touchdown e uma interceptação. Fonseca acertou sete de 12 lançamentos para 89yd. Martire conectou quatro de sete passes para 48yd. Já Stegman conseguiu 11 de 16 lançamentos para 142yd, um touchdown e uma interceptação.

Com o resultado negativo, o Brasil termina na sétima colocação do IFAF World Championship com campanha 2-2*.

*nota do editor: mesmo com uma vitória conquistada em campo, a Seleção Brasileira encerra a campanha com duas vitória, pois venceu o Canadá por W.O. na disputa do sétimo lugar.