Brasil Onças perde na estreia para os Fighting Frogs no IFAF World Championship

Dable anotou o touchdown de 102yds. Foto ESPN Watch/Reprodução

Em uma tarde chuvosa na cidade de Canton/Ohio, nos Estados Unidos, a Seleção Brasileira escreveu sua história ao estrear no IFAF World Championship. No confronto contra os franceses, o Brasil Onças foi derrubado por 31 a 6.

Em um começo avassalador dos Fighting Frogs (sapos lutadores, em inglês) – como a seleção francesa é conhecida – o kick returner/wide receiver #8 Anthony Dable anotou o primeiro touchdown da partida. O jogador retornou um kick off de 102yds. Na campanha seguinte, o running back #23 Stephan Yepmo chegou a entrar na endzone, só que uma falta por holding impediu os pontos dos europeus, entretanto, o quarterback #12 Paul Durand conectou um passe de 30yd para o wide receiver #11 Guillaume Rioux para anotar o segundo TD. Na posse de bola seguinte, a dupla Durand-Rioux funcionaou novamente, desta vez o touchdown veio de um passe de 5yd. Todos os extra points foram convertidos pelo kicker #10 Alexander Sy. Placar 0-21.

No segundo quarto, a defesa brasileira começou a parar o ataque francês. Porém, os sapos lutadores ampliaram a diferença com um field goal de Sy de 32yds. Placar 0-24.

Na volta do intervalo, as defesas controlaram as ações de ambos os ataques e o placar se manteve inalterado. No último quarto, o Brasil conseguiu marcar os seus primeiros pontos no Mundial, o quarterback reserva #1 Rhudson Fonseca correu 2yd para marcar o touchdown. Na tentativa de conversão de dois pontos, o special team brasileiro parou na muralha francesa.

Mesmo desgastados, a França conseguiu chegar a endzone brasileira pela última vez, o running back Yepmo quebrou tackles e ultrapassou a goal line para marcar o último touchdown da partida. Sy converteu o extra point. Final 6-31.

Com o resultado, o Brasil não tem mais chances de conseguir medalha. Agora, os brasileiros encaram a Coreia do Sul, que perdeu para o Outback Team Australia por 47 a 6. Já a França enfrenta a Austrália, na disputa pela vaga à semifinal.

Confira o confronto entre Brasil vs. França