Conceito Super Bowl, show do intervalo e interatividade vão marcar o Gigante Bowl

Goleiro da seleção brasileira de soccer e do Inter, Alisson, posa com o helmet do Ijuí Drones. Foto Henrique Riffel/Futebol Americano Brasil

Em coletiva de imprensa realizada no início da noite desta quinta-feira (7), no Estádio Beira-Rio, o os dirigentes do Sport Club Internacional junto com o presidente da Federação Gaúcha de Futebol Americano (FGFA), Jeferson Mendes, anunciaram oficialmente o Gigante Bowl – nome dado ao Gaúcho Bowl VIII. O evento está agendado para o dia 18 de junho, às 18h, no Beira-Rio. Este será o primeiro jogo do esporte nascido nos Estados Unidos em um estádio de grande porte no Rio Grande do Sul.

O vice-presidente de administração do Internacional, Alexandre Limeira, anunciou as metas do evento e a programação da partida. Além do jogo entre os dois finalistas, o Internacional planeja executar o projeto nos mesmos moldes como ocorre na final do principal campeonato nos Estados Unidos, o Super Bowl da National Football League (NFL). Para isso, Limeira pretende aplicar o “conceito Super Bowl”, onde os fãs poderão vivenciar uma experiência parecida com a realidade americana.

Entre as atrações estão: coreografias de líderes de torcida, tentativas de field goal e o famoso show do intervalo com uma banda musical reconhecida.

— Estamos olhando algumas atrações e vendo a agenda de alguns artistas. Não temos, no momento, uma atração fechada — disse Limeira.

O dirigente também destacou que os dez times participantes da edição deste ano estarão presentes no evento.

— Dois dos dez times estarão na final, mas todos estão convocados a participar do evento — pronuncia.

Outra meta estipulada pelo Inter, FGFA e Brio (empresa parceira) é ultrapassar o recorde de público de um jogo de futebol americano no Brasil. A atual marca é de 15 mil pessoas na Arena Pantanal, em Cuiabá, na final da Superliga Centro-Sul entre Cuiabá Arsenal e Coritiba Crocodiles.

— Queremos ultrapassar a marca obtida na Arena Pantanal e ser o maior jogo realizado no Brasil — almeja Limeira.

Os valores dos ingressos custarão R$ 40. O lote promocional já está disponível aos fãs, que poderão comprar pela internet através do site gigantebowl.internacional.com.br, o ticket promocional custa R$ 30. Sócios do Internacional e meia-entrada terão um desconto de 50% e poderão adquirir por R$ 20. A impressão do voucher garante a entrada nas catracas do Beira-Rio, sem a necessidade de trocar o voucher por ingresso na bilheteria.

Os colecionadores também terão seu espaço para comprar artigos vinculados ao evento, tal como: camisetas, canecas, chaveiros, cuias, bolas e equipamentos para a prática do futebol americano.

Equipamentos para a pratica de futebol americano será vendido pelo Inter. Foto Henrique Riffel/FABR
Equipamentos para a pratica de futebol americano será vendido pelo Inter. Foto Henrique Riffel/FABR

Transmissão pela televisão

O clube e a FGFA estudam a transmissão ao vivo da partida pela televisão.

— A ideia é que se tenha a transmissão pela televisão. Ainda é cedo para a afirmar que será transmitido. Mas é lógico que iremos atrás de parcerias e publicidade — contou o vice-presidente de marketing/mídia Luiz Henrique Nuñez de Oliveira.

O Internacional pretende usar o Gigante Bowl para ser um embrião para um futuro jogo da NFL em Porto Alegre. Limeira usou como exemplo os jogos sediados no estádio durante a Copa do Mundo de 2014, além de shows Internacionais como o do Rolling Stones, e grandes eventos mundiais como o UFC.

— Há o interesse de mostrar o quão forte é a estrutura do Internacional para trazer os olhos da NFL ou do futebol americano universitário (NCAA) para o Beira-Rio — comentou Limeira.

O crescimento exponencial do esporte

O time mais antigo no Rio Grande do Sul é o Porto Alegre Pumpkins, que foi fundado em 2005. O campeonato estadual é jogado desde 2008, em 2012 ele foi jogado totalmente equipado, como é praticado nos Estados Unidos e desde 2015 o certame é chancelado pela FGFA. O salto no crescimento do esporte em solo gaúcho anima Mendes.

— Não imaginava, há seis anos, quando começamos, que chegaríamos tão rápido onde estamos. Será um grande evento, não tenho dúvida — comemora.

A preocupação com o gramado

Motivo de preocupação por adeptos que não conhecem o futebol americano, o Inter selecionou o dia 18 de junho justamente por ser um período que o elenco colorado jogará duas partidas seguidas fora de seus domínios – contra Figueirense e Coritiba.

— Tomamos a data, é uma rodada que o Inter joga fora contra o Figueirense e Coritiba. São duas rodadas para que o gramado tenha essa recuperação. Já fizemos grandes eventos. Fizemos uma ação com mais 6 mil torcedores entrando no gramado. Em nenhum momento, o gramado será afetado — garantiu Limeira.

 

Confira o vídeo promocional do Gigante Bowl