Dolphins Ancona acerta a contratação dos defensores Andrew Bernadini e Jacob Zilbar do Timbó Rex

Bernadini e Zilbar (d) defenderão as cores dos Dolphins na temproada 2016 do campeonato italiano. Foto montagem Perfis/Facebook

Na tarde desta quarta-feira (25), o clube italiano Dolphins Ancona oficializou a contratação do defensive back brasileiro Andrew Bernardini. O atleta irá defender as cores dos Dolphins assim que encerrar a participação do Timbó Rex no Torneio Touchdown neste ano. O contrato com os italianos é válido de janeiro a julho de 2016.

Antes de ingressar nos Dolphins, Bernardini ainda passou pelo AFC Lions Luzern, da Suíça, na temporada 2015, além de ter iniciado a carreira nas categorias de base do London Blitz. De acordo com o comunicado do elenco de Ancona, existe a possibilidade de o brasileiro atuar pela seleção italiana, uma vez que o jogador jogou somente um amistoso pelo Brasil Onças e não uma competição oficial da IFAF, isso valida à oportunidade de defender as cores da Itália nos torneios europeus, já que o atleta também tem o passaporte italiano.

— Tenho interesse e curiosidade, há a possibilidade do campeonato europeu em 2018, mas não sei como funciona — explicou Bernardini ao Salão Oval.

Andrew é o segundo estrangeiro a ingressar nos Dolphins para a temporada 2016 do campeonato italiano. O primeiro anunciado foi o linebacker americano Jacob Zilbar – também do T-Rex. Como o certame italiano restringe a participação de estrangeiros nas equipes, os Dolphins procuraram por alguém que tivesse cidadania local.

No caso de Zilbar, o americano terá a difícil tarefa de substituir o compatriota Nic Harris – ex-Carolina Panthers (NFL) e Vila Velha Tritões – que retornou a Los Angeles, nos Estados Unidos, para passar mais tempo com a família.

— No próximo ano, o (campeonato) italiano terá a oportunidade de registrar um jogador adicional de escola estrangeira, além dos dois a mais que tínhamos neste ano. O vínculo é a posse de um passaporte italiano. Era importante aproveitar esta oportunidade. Assim buscamos um jogador adequado (Bernadini) para o nosso ambiente e para o nosso jogo — explica o manager Paolo Belvederesi sobre a contratação do ítalo-brasileiro e do americano.

— Ele (Andrew) definitivamente vai nos ajudar em situações de jogo diferentes, combinado bem na defesa com Zilbar, bem como no corpo de running backs e receivers — contou o integrante da comissão técnica Roberto Rotelli.

O possível retorno ao Timbó Rex

Como a temporada italiana se encerra em julho, os catarinenses estudam o retorno dos atletas para a disputa do TTD em 2016.

— A temporada lá (Itália) acaba cedo e ainda está sendo negociado. O Andrew é de casa, começou aqui e sempre será a casa dele. O Jacob vem fazendo um ótimo trabalho — comentou Breno Takahashi.