El Tri vence os Fighting Frogs e conquista a medalha de bronze na IFAF World Championship

El Tri conquista a medalha de bronze ao aproveitar a fórmula incomum da competição. Foto Ed Hall Jr./Usa Football

O El Tri do México não teve muitas dificuldades de bater os Fighting Frogs da França por 20 a 7, na partida válida pela medalha de bronze da IFAF World Championship, neste último sábado (18). O duelo ocorreu no Tom Benson Hall of Fame Stadium, em Canton/Ohio, nos Estados Unidos.

Para os mexicanos, o duelo contra os franceses valia muito para a nação, já que a equipe havia perdido as duas primeiras partidas para o USA Football (30-6) e o Japão (35-7).

— Hoje (sábado), foi um dia muito importante para o futebol americano no México. Foi a primeira vez que ganhamos uma medalha em uma competição onde os americanos eram nossos rivais. Era muito importante vencermos, não só por nós e a família, mas para o nosso país — explicou o head coach mexicano Raul Rivera.

De fato, esta foi a pior campanha do elenco da América do Norte no Mundial, já que El Tri conquistou o vice-campeonato nas edições de 1999 e 2003, na Itália e Alemanha respectivamente, e uma quarta colocação em 2011, na Áustria – quando terminou com mais vitórias do que derrotas.

Apesar da derrota, o head coach Patrick Esumé espera um futuro brilhante dos sapos lutadores nas próximas competições.

— Estamos chegando perto do grupo de elite do futebol americano mundial. Ainda há uma enorme diferença entre os Estados Unidos e os demais times, mas nós temos capacidades de entrar no grupo com Japão, Canadá e México. Isso nós provamos hoje — contou Esumé.

Logo na primeira posse de bola, o México abriu o placar com Alanis em uma bela corrida de 55yd. O special team do El Tri falhou na tentativa do 2pts conversion. Em seguida, foi a vez do kicker Diaz ampliar a vantagem ao ter anotado um field goal de 40yd. No final do segundo quarto, o running back francês Stephan Yepmo encontrou um gap na defesa adversária para entrar na endzone e diminuir a diferença. O kicker Alexander Sy converteu o PAT. 9-7.

Na etapa complementar, Diaz acertou o seu segundo field goal da partida, desta vez, em um difícil chute de 53yd. No último quarto, Alvarez correu 9yd para decretar a vitória mexicana com o segundo TD do El Tri. Flores fechou a conta ao receber um passe de San Roman para a conversão de dois pontos. Final 20-7.