Maia Mustangs bate Braga Black Knights e acaba com sequência de derrotas na LPFA

#2 Santos anotou três TDs: um de passe e dois corridos. Foto Carlos Valença/Photo Sports

Neste sábado (23), o Maia Mustangs finalmente quebrou um tabu de 12 jogos sem vencer. Os maiatos visitaram os Black Knights em Braga e conquistaram a tão sonhada vitória por 20 a 0. O jogo ocorreu no Campo Mata da Ordem e foi válido pela semana 8 da Liga portuguesa de Futebol Americano (LPFA).

Confira a tabela de classificação da Liga Portuguesa

Veja o calendário de jogos da Liga Portuguesa

Depois de perder de 30 a 0 para o Braga Warriors, o ataque comandado pelo quarterback #2 Tiago Santos conseguiu anotar o primeiro touchdown dos maiatos em uma conexão para o wide receiver #88 Renato Fernandes, no segundo quarto. O special team buscou a conversão de dois pontos que terminou sem sucesso.

O ataque estava confortável e a defesa confiante. Com a alto estima no teto os visitantes aproveitaram uma recuperação de um fumble pelo defensor #8 Ricardo Remoaldo, os maiatos recuperaram a posse de bola, marcando novamente, desta feita, numa corrida de Santos, com tentativa de dois pontos falhada, no terceiro período.

Na etapa complementar, para fechar a conta e quebrar o tabu de 12 jogos sem o sabor da conquista, Santos aproveitou uma brecha no outside e percirreu até a endzone. O especialista #27 Pedro Pinho converteu o try e deu os números finais ao duelo, no terceiro período.

Com o resultado, o Maia Mustangs deixa a lanterna do Grupo Norte com campanha 1-4. O próximo compromisso está agendado para o dia 14 de fevereiro, quando recebe o líder Porto Mutts (4-0), em Maia.

— Esperamos um jogo difícil contra os Mutts, mas vamos fazer tudo para acabarmos a época com outra vitória — comentou o nose tackle e guard Mauricio Vital após a partida.

Já o Braga Black Knights acumula a sua quarta derrota seguida, a terceira dentro de casa. Os bracarenses tentarão quebrar essa fase de perdas no dia 6 de fevereiro, quando encaram o rival local, o Braga Warriors (4-1), na casa do adversário.