Portuguesa Futebol Americano derrota Inter de Limeira Tomahawk e mantém invencibilidade na SPFL

Portuguesa Futebol Americano avança direto para a semifinal da SPFL. Foto Ira Comunicação/Divulgação

Definido o segundo o semifinalista da São Paulo Football League (SPFL): a Portuguesa Futebol Americano, atual bicampeã paulista, derrotou o Inter de Limeira Tomahawk neste sábado (16) no CT Touchdown, no bairro Santo Amaro, em São Paulo, por 59 a 28, confirmando a liderança do Grupo A. A equipe rubro-verde segue sem saber o que é perder na liga desde a primeira edição do estadual.

Saiba como estão os playoffs da SPFL

O jogo era importantíssimo, não só pelo fato de colocar frente a frente duas equipes candidatas ao título deste ano da SPFL, mas por conta da necessidade de vencer do Tomahawk: vitória significava classificação e liderança, derrota era o sinônimo de desclassificação após uma campanha memorável em sua primeira participação na liga.

A primeira campanha do jogo foi do time de Limeira, que não conseguiu cruzar o meio de campo, mas na campanha seguinte, o Tomahawk contou com um momento raro de erro do signal caller Catullo Góes, que em sua primeira jogada na partida, gerou um pick six: teve o passe interceptado e na sequência, Magrin abriu o placar para o time do interior paulista.

O jogo estava tenso e isso ficou claro quando Catullo novamente voltou a errar um passe, mas que desta vez, não foi interceptado pela defesa do Tomahawk. Mas no segundo quarto, a Portuguesa entrou no jogo e virou o jogo em um touchdown anotado por Jesus, em boa corrida pela direita.

Foi aí que a autoconfiança traiu a equipe de Limeira: o time de ataque arriscou na campanha seguinte, uma quarta descida ainda no campo de defesa, e o quarterback americano Jake Schimenz acabou sacado. Dando início a campanha no ataque, a Portuguesa chegou ao segundo touchdown na partida, com boa corrida pela esquerda com Marin.

A partida então ficou equilibrada, já que o Tomahawk deixou tudo igual no placar com o touchdown anotado por Gianluca. Na campanha seguinte, a Portuguesa assumiu novamente a liderança com o touchdown de Paulinho, mas logo o Limeira se reaproximou, com o TD anotado por Douglas. Coube a Vinícius “Seiya” Souza nos instantes finais, fazer um touchdown, e com a conversão de dois pontos de Catullo, a Lusa abriu 29 a 20.

Foi no terceiro quarto que a Portuguesa deixou clara a sua superioridade. Foram 22 pontos anotados contra nenhum do Tomahawk. Seiya anotou mais dois touchdowns, e Paulinho anotou o outro, que ainda teve conversão de dois pontos com Jesus.

Com um placar de 51 a 20 a favor da Portuguesa, o último quarto teve um ritmo bem menor das duas equipes. O Tomahawk ainda anotou mais um touchdown com conversão de dois pontos, enquanto a Portuguesa também fez um TD com Ivan, e com uma conversão de dois pontos.

No fim, vitória da Portuguesa por 59 a 28, e os atuais bicampeões se garantiram nas semifinais. Agora, aguardam o vencedor do confronto entre São Paulo Storm e Jundiaí Ocelots, que jogarão no próximo domingo em Caieiras pela fase de wildcard.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment