Recife Mariners quer mudar cenário vivido na temporada 2014 contra o João Pessoa Espectros

O jogo Mariners vs. Espectros registrou um dos maiores públicos do FABR. Foto Tiago Giordani/Mariners

A Arena Pernambuco será palco mais uma vez da final da Superliga Nordeste. O Recife Mariners mais uma vez representará Pernambuco na decisão e receberá o atual campeão João Pessoas Espectros. A decisão será às 16h do dia 22 de novembro e a promessa é de mais uma partida emocionante, assim como foi a do ano passado.

Confira como está o chaveamento dos playoffs da Superliga Nacional

Em 2014, pernambucanos e paraibanos haviam se enfrentado apenas uma vez na temporada regular e os azuis saíram vencedores. A vitória por 24 a 6 criou uma grande expectativa e os Mariners entraram em campo como favorito. Contudo, na final a história foi diferente e os paraibanos conquistaram o pentacampeonato nordestino diante de 7.056 pessoas — um dos públicos recordes do Brasil — ao vencer por 38 a 12, no primeiro jogo em uma arena de Copa do Mundo de soccer.

No dia 22 de novembro, os pernambucanos serão os mandantes por terem a melhor campanha da competição e o técnico Lucas Cisneiros acredita que sua equipe tem condição de fazer uma história bem diferente nesta final.

— Jogar na arena sempre será uma oportunidade incrível, estamos felizes de ver que nosso trabalho duro nos garantiu em mais uma final do Nordeste, semifinal brasileira, estamos nos preparando somente com isso em mente. Ano passado foi um bom ano, voltamos a ser realmente relevantes e aprendemos boas lições, mas 2015 veio com outros desafios e lições, é algo contínuo, quem fica vivendo no passado para de evoluir — comentou o técnico.

O motivo para a confiança é a evolução da equipe em um ano. O amadurecimento da equipe foi gradual e os resultados podem ser vistos dentro de campo. Os Mariners terminaram a temporada invictos e o time se comportou dentro do planejado para o 2015.

— Mudamos muito em todos os aspectos, ataque, defesa e times especiais, aprendemos o desafio que é se preparar o bastante para vencer qualquer jogo. Estamos mais maduros — analisou Cisneiros.

Sem pensar em 2014

Na primeira partida em uma arena de Copa do Mundo, os Mariners saíram derrotados por 38 a 12. O resultado poderia ser considerado um fantasma na cabeça dos jogadores, mas o quarterback americano Drew Banks prefere não pensar deste modo. Agora é um novo jogo e com times bem diferentes.

— É bom voltar para a Arena Pernambuco, mas sinceramente o que aconteceu no ano passado não tem nada a ver com esse ano. É bom jogar contra o mesmo time porque eles são bons e vai ser um bom jogo de qualquer jeito. O ano passado não existe mais na minha cabeça. Esse ano o time é diferente. Com mais experiência, mais atitude e eles sabem lutar. Estamos juntos lutando todos os treinos e todos os jogos —afirmou o atleta.

Ingressos à venda

A partir desta quinta-feira (12), os torcedores já podem adquirir no site da Arena Pernambuco e nos pontos de vendas oficiais. As entradas custam R$25,00 até o dia 21/11 e no dia do evento custarão R$50,00. Crianças até 5 anos não pagam entrada.

Pontos de venda dos ingressos

  • Winner Sports Bar (até o dia 21/11)
  • Tribo Fitness (até o dia 21/11)
  • No site da Arena Pernambuco – a partir do 10/11 até 12h do dia 22/11.
  • Carol Esportes (Areias) – 11/11 a 21/11 (9 às 18h, exceto nos domingos)
  • PE Retrô (Shopping Tacaruna) – 11/11 a 21/11 (9 às 22h e domingo a partir das 12h)
  • PE Retrô (Shopping Rio Mar) – 11/11 a 21/11 (9 às 22h e domingo a partir das 12h)
  • PE Retrô (Boa Vista) – 11/11 a 21/11 (9 às 22h e domingo a partir das 12h)
  • Lojas Water (Shopping Recife) – 11/11 a 21/11 (9 às 22h e domingo a partir das 12h)
  • Lojas Water (Shopping Plaza Casa Forte) – 11/11 a 21/11 (9 às 22h e domingo a partir das 12h)
  • Bilheteria da Itaipava Arena Pernambuco – no dia 22/11 das 13h às 17h