Santa Cruz Chacais derrota Restinga Redskulls e garante a melhor campanha da Copa Sul

#25 Cleiton Paz vence os tackles para anotar o touchdown dos Chacais. Foto Henrique Riffel

Na noite fria de Porto Alegre, o Restinga Redskulls recebeu o líder da Divisão Rio Grande do Sul, o Santa Cruz Chacais, no Complexo Esportivo da PUCRS. O jogo válido pela rodada 5 da Copa Sul, que valia, principalmente, a vaga aos playoffs dos mandantes. A matilha gaúcha não deu chances ao rival da capital gaúcha e derrotou o adversário por 29 a 8.

Confira a tabela de classificação da Copa Sul

Veja o calendário de jogos da Copa Sul

Logo na sua primeira campanha, um bad snap em uma tentativa de punt fez com que a defesa dos Chacais conquistasse um safety, com um bom tackle de=o defensive end #98 João Adriano. No kickoff, o kick returner #87 Fernando Jackisch recebeu a bola na linha de 17yd do campo de defesa e retornou para touchdown para colocar um balde de água fria nos Redskulls. O kicker #1 Digeo Goulart acertou o PAT. Foram nove pontos com apenas 2 minutos e 42 segundos jogados. Na campanha seguinte, os Chacais tentaram ampliar a diferença com um field goal de 28yd em um chute que foi para fora de Goulart. Antes do fim do primeiro quarto, o running back #25 Cleiton Paz tratou de anotar o segundo touchdown dos visitantes, o jogador furou a defesa dos porto-alegrenses em uma corrida de 2yd. Goulart manteve o bom aproveitamento no extra point. 0-16.

No segundo quarto, o ataque dos caveiras tentou responder com o jogo aéreo. O quarterback #7 Rafael Rodrigues tratou de abusar do seu principal receiver da noite, o #33 Clayton Reis. Mas a campanha durou até o meio-campo. No drive seguinte, os Chacais chegaram a redzone dos Redskulls, a defesa de Porto Alegre impediu o avanço para forçar um FG da matilha gaúcha. Goulart acertou um chute de 34yd para botar ais três pontos na conta do elenco de Santa Cruz.

Com domínio do confronto, Santa Cruz do Sul voltou a visitar a redzone adversária e mais uma vez uma muralha foi montada pelos comandados do head coach Paulo de Tarso. O kicker Goulart arriscou um field goal de 41yd, que foi chutado para fora.

Após a parada do intervalo, Rodrigues procurou ampliar o seu leque de jogadas aéreas e terrestres, tanto que os mandantes conseguiram chegar pela primeira vez a redzone dos Chacais. Porém, em um erro no hand off do ataque de Restinga, a equipe sofreu um fumble que foi recuperado pelo #96 dos Chacais na linha de 10yd. Quando teve a posse de bola, os Redskulls descontaram com uma corrida de 27yd anotada pelo running back #34 Pedro Gabriel. Rodrigues ainda conquistou o two points conversion, na última jogada do terceiro quarto. O resultado dava a chance de classificação a segunda fase para os porto-alegrenses.

Entretanto, os Chacais terminaram com a alegria dos caveiras. Em uma corrida de 6yd, Paz tratou de anotar o terceiro touchdown dos visitantes. Goulart manteve o 100% de aproveitamento no xp. O kicker ainda conseguiu no drive subsequente anotar um field goal de 36yd.

Com o resutado, o Santa Cruz Chacais finaliza a temporada regular de forma invicta com quatro vitórias e a melhor campanha da Copa Sul, o que lhe garante o mando de campo e a rodada de folga nos playoffs. Já o Restinga Redskulls acaba sua primeira participação em competições na modalidade fulld pads na terceira posição da Divisão Rio Grande do Sul com retrospecto de 1-3.

Ouça as entrevistas pós-jogo do running back #25 Cleiton Paz e do head coach Paulo de Tarso


Assista o retorno para TD do KR #87 Fernando