October 17, 2021
Brandalise foi campeão gaúcho com o Juventude em 2015 e defenderá as cores do Portuscale Dragons na LPFA. Foto Arquivo pessoal

Brandalise acerta com o Portuscale Dragons para jogar a LPFA

Tempo aproximado de leitura:2 minutos, 31 segundos

Brandalise foi campeão gaúcho com o Juventude em 2015 e defenderá as cores do Portuscale Dragons na LPFA. Foto Arquivo pessoal

A offseason de Portugal segue em movimento. Nos últimos dias, a nova equipe Portuscale Dragons acertou com o cornerback brasileiro Arthur Brandalise. O defensive back chega para reforça a secundária do time na disputa da temporada 2017/2018 da Liga Portuguesa de Futebol Americano (LPFA). Esta será a estreia dos Dragons em competições oficiais.

Saiba como foi a temporada 2016/2017 da LPFA



O brasileiro de 21 anos e ex-Juventude se mudou recentemente para a cidade do Porto. O presidente do elenco de Caxias do Sul, Eduardo Ferreira, que intermediou os primeiros contatos entre o atleta e os portugueses.

Conheça a formação dos Dragons

O Portuscale Dragons se formou da dissidência do Maia Renegades por questões administrativas. O novo elenco foi constituído a partir de 13 jogadores do Maia Mustangs e 14 do Porto Renegades.

— O presidente e atual direção dos Dragons eram diretores nos Renegades, mas devido a algumas incompatibilidades decidiu-se criar os Dragons. Nós temos a visão, que para seguirmos em frente, teríamos que assumir mais compromissos com eventuais patrocinadores, contratos, etc. Para podermos fazer isso, teria que haver um compromisso grande da equipa com a direção, que não houve [com os Renegades], na nossa ideia, podemos ver qualquer desporto de forma amadora ou profissional, amadora foi como andaram os Renegades desde que existem, decidimos dar o passo em frente. Nós tínhamos 10 a 15 atletas por treino e nunca os mesmos agora têm 30 permanentes — contou o dirigente dos Dragons, Alberto Pinto.

Os dragões do norte ainda realizarão um tryout para novos adeptos no dia 9 de setembro, com o intuito de compor o roster à disputa da competição portuguesa. Os interessados em entrar para o elenco devem se inscrever por este formulário http://w3.rigorcg.pt/clirgaps/tryout_portuscale_dragons/.

A escolha da alcunha deve-se ao fato histórico da região de Porto e Vila Nova de Gaia.

— Portus Cale, foi o nome da cidade do Porto nos tempos de D. Pedro. Portus quer dizer porto e Cale um local na margem de Gaia aonde aportavam os barcos. Dragons, os primeiros brasões da cidade do Porto o símbolo do animal utilizado era o dragão — explicou Pinto.

No certame nacional que se aproxima – há a previsão que se inicie em novembro –, os Dragons mandarão seus jogos no estádio Paque de Jogos Soares dos Reis, que é sede do Vilanovense Futebol Clube, em Vila Nova de Gaia. A capacidade da arquibancada é de 3.500 fãs.

Como o sorteio para formação do calendário foi realizado neste último domingo (27) e a direção da LPFA ainda não informou sobre a fórmula de disputa, há um pré-dado de que os Dragons enfrentarão os times do Norte em confrontos de ida e volta, mais duas equipes do Sul: Évora Eagles e Cascais Crusaders.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Sobre o autor

Henrique Riffel

Jornalista e editor-chefe do Futebol Americano Brasil. Pós-graduado em Jornalismo Digital pela Famecos/PUCRS. Ex-colaborador do Pro Football e American Football International. Antigo produtor multimídia do Locast Project do MIT/EUA
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias, no Instagram em @futebolamericanobrasil_ e curta-nos no Facebook.

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *