Ceará Caçadores pronto para ajudar o Brasil Onças no jogo terrestre

Maranhão pronto para atuar no backfield do Brasil Onças contra a Argentina Halcones. Foto Lyla Pires

No próximo sábado (16), o Brasil Onças enfrentará a Argentina Halcones em duelo sul-americano. A partida ocorre no estádio Mineirão, às 15 horas, em Belo Horizonte. Dentro e fora de campo, o Ceará Caçadores estará presente nesse confronto.

Saiba quem são os 45 convocados para o Brasil Onças



Dentro de campo, o cearense Eduardo Maranhão representará o Ceará Caçadores. O running back é considerado um dos melhores jogadores do país na função e se prepara de forma específica para este grande jogo.

— Me preparo técnico e fisicamente. Tecnicamente existe um acompanhamento da comissão técnica que nos fornece o playbook contendo as jogadas e as estratégias que devemos estudar, além disso, analisamos a postura em campo dos adversários. Para se preparar, são mais horas de estudo e dedicação — explicou Maranhão.

Como a explosão e a velocidade são as características da posição, Maranhão também reforça a preparação física.

— Mudou a preparação que tenho para os jogos dos Caçadores. Eu reduzi o treino físico e reforcei, com o auxílio de fisioterapia e educação física, a preparação do meu corpo para o jogo. Mudei a refeição e aumentei as horas de sono — disse.

Na sideline os Caçadores estarão presentes

Fora de campo, o time também terá um papel importante no jogo. O presidente do Ceará Caçadores, Bruno Rocha, é o coordenador de running backs do Brasil Onças e também se prepara para o confronto.

— Nossa função é coordenar um grupo de atletas de uma posição específica, mas o trabalho é muito maior. Temos que preparar e analisar as jogadas, estudar os adversários, selecionar os melhores atletas, dentre tantos que se destacam nacionalmente. Temos reuniões periódicas com a comissão técnica, que acontecem de forma online. É um jogo que acontece dia 16, mas que estamos a meses nos organizando e nos preparando para este duelo — explicou.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment