Coritiba Crocodiles aplica blowout contra o Juventude e garante o mando de campo nos playoffs do BFA

Ataque do Coritiba Crocodiles pontuou em quase todos os drives. Imagem ContraCena/Reprodução

Na abertura da semana 10 do Brasil Futebol Americano (BFA), o Coritiba Crocodiles garantiu o mando de campo nos playoffs do campeonato brasileiro ao bater o Juventude pelo placar de 50 a 0. O jogo ocorreu no Centro de Treinamentos do Juventude, em Caxias do Sul, na tarde deste sábado (29). O resultado também prejudica a permanência dos gaúchos na elite nacional.

Confira a classificação do BFA

Os Crocodiles abriram a contagem logo no começo do jogo em um passe de 17yd do signal #2 Drew Banks para o slipt end #13 Athos Daniel Jr. de 17yd para touchdown. O placekicker #89 Adan Rodriguez completou com o PAT. No drive seguinte, a defesa paranaense conseguiu recuperar um fumble já dentro da redzone de Caxias. A campanha foi capitalizada em uma dive run de 2yd do half-back #8 Uydinely Oliveira. Rodriguez acertou o extra point.

A defesa do Juventude só conseguiu parar uma terceira descida no terceiro drive dos Crocodiles, mas não impediram o rival do Paraná de pontuar, que ampliou a vantagem com um field goal de 37yd marcado por Rodriguez.

No segundo quarto, mais uma posse de bola foi capitalizada pelos Crocodiles. Banks saiu em roll out e conectou o wideout #87 Lucas Viezzer em um passe de 10yd para touchdown. A tentativa do try de dois pontos foi bloqueada pela defesa da casa.

O pesadelo de Caxias do Sul ficou ainda pior. No hike da quinta campanha, o quarterback #4 Daniel Reis foi interceptado pelo cornerback #22 Felipe Sodré, que retornou para pick six. Novamente o 2pts conversion foi falhado. Dentro do two minute warning, Oliveira voltou a visitar a endzone dos donos da casa com uma corrida de 9yd para touchdown. Por mais uma vez o try de dois pontos foi ruim. 0-35.

Na etapa complementar e com a mercy rule aplicada, a defesa do Juventude conseguiu forçar o seu primeiro turnover e não sofrer pontos depois de interceptar Banks. O drive da casa finalmente pode chegar no território de ataque em uma big play do A-back #23 Felipe Fröhlich de 33yd. O time teve a chance de descontar em um field goal de 35yd com o kicker #7 Álvaro Fröhlich, mas o arremate foi para fora.

Na campanha seguinte, Banks arriscou a quarta descida com sucesso e posicionou o ataque na redzone. Dois hikes depois, o corpo de linebackers da casa interceptou o americano no segundo turnover forçado pelos caxienses.

Nos 12 últimos minutos, o fullback #17 Francelinho Sanhá percorreu 3yd para ampliar a vantagem dos visitantes. O próprio Sanhá completou com o try de dois pontos. O golpe de misericórdia veio logo depois. Em um fumble dos mandantes foi recuperado pelo middle linebacker #58 Willian Gobetti, que retornou mais de 50yd para marcar o touchdown. Rodriguez finalizou com o PAT. Final 0-50.

O trinfo no Rio Grande do Sul mantém o Coritiba Crocodiles na liderança da Conferência Sul com campanha invicta de 5-0. O derradeiro compromisso da fase regular será no dia 21 de outubro, quando o roster viaja a Timbó para encarar o Timbó Rex (4-0).

Enquanto que o Juventude estaciona na lanterna do Sul com 0-5. A equipe está relegada a disputar a Liga Nacional em 2019. O time encerra sua participação no dia 13 de outubro, quando recebe o rival estadual Santa Maria Soldiers (2-3).

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment