December 4, 2021
Mota e Kudyba (dir) lideram os treinamentos do Cuiabá Arsenal em 2019. Foto Junior Martins/Arsenal/Futebol Americano Brasil

Cuiabá Arsenal avalia nomes para assumir o posto de head coach em 2021

Tempo aproximado de leitura:2 minutos, 11 segundos

O americano Thomas Kudyba (dir) foi head coach e signal caller do Cuiabá Arsenal em 2019. Foto Junior Martins/Arsenal/Futebol Americano Brasil

A direção do Cuiabá Arsenal volta as atenções na busca de um head coach neste primeiro semenstre de 2021. O programa aprovetará o tempo sem treinamentos presenciais do roster principal em campo para atualizar o corpo técnico. A equipe avalia o mercado brasileiro e no exterior para anunciar o nome do novo comandante da sideline.

Saiba como foi a temporada 2019 do BFA

— Estamos buscando um treinador principal, brasileiro ou estrangeiro. Estamos falando com dois brasileiros e três estrangeiros. Provavelmente selecionaremos um treinador como principal e outro para coordenar as equipes de ataque, defesa ou especialistas. Para o quadro de assistentes, esse treinador trabalhará para formar com pessoas daqui, inclusive será papel dele desenvolver os demais membros da comissão técnica — explicou o presidente do Arsenal, Denevaldo Barbosa Jr.

De acordo com o dirigente, há tendências que a seleção do head coach seja brasileiro. Entretanto, nenhum nome fora listado. Além de liderar o roster principal, o escolhido também terá como desafio ajudar a gerir o programa.

— Estamos em contato com treinadores para em 2021 iniciarmos o projeto que seria de 2020. Nossa busca é por um head coach experiente que possa liderar nossos projetos de escolinha a time principal, além de estar presente na gestão do time — completou o capitão do time Igor Mota.

Arsenal espera pelo controle pandemia para retomar os treinos presenciais

Mesmo com a pandemia por SARS-CoV-2 – o vírus que causa a COVID-19 – o programa seguiu com as atividades remotas e planeja a retomada dos treinos presenciais para preparar o grupo na disputa do Brasil Futebol Americano (BFA), caso ocorra no segundo semeste deste ano.

— Se tudo estiver liberado e de acordo com as normas de segurança, acredito que já estaremos retomando às atividades com cautela e zelo — concluiu Mota.

A direção do Cuiabá Arsenal recentemente recebeu uma documentação dos gestores do BFA, Marcelo Bruno e Lucas Rossetti, sobre a realização da época 2021 do certame nacioanal. Segundo o BFA, há dois possíveis cenários, caso a pandemia esteja controlada no País. A primeira tentativa será iniciar a competição no dia 2 de julho, com seis jogos na fase regular, e a segunda em 7 de agosto com apenas quatro jogos na fase regular.

O documento elaborado pela Liga BFA sugere, ainda, sobre a possível data de retorno aos treinos pelas equipes inscritas no torneio nacional, com início previsto para 3 de abril no melhor dos cenários e para o dia 27 de maio para a pior das hipóteses.

Sobre o autor

Henrique Riffel

Jornalista e editor-chefe do Futebol Americano Brasil. Pós-graduado em Jornalismo Digital pela Famecos/PUCRS. Ex-colaborador do Pro Football e American Football International. Antigo produtor multimídia do Locast Project do MIT/EUA
Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias, no Instagram em @futebolamericanobrasil_ e curta-nos no Facebook.

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *