Recife Mariners mantém tabu contra o rival Recife Pirates

Recife Mariners soma a 13ª vitória consecutiva contra o Recife Pirates. Imagem Touchdown/Reprodução

Pelo encerramento da semana 1 da primeira divisão do campeonato pernambucano, o Clássico dos Mares movimentou Olinda. O Recife Mariners manteve o tabu contra o Recife Pirates e venceu o rival pelo placar de 17 a 0. O encontro ocorreu neste último domingo (19), no gramado do Grito da República.

Confira a classificação da 1ª divisão do campeonato pernambucano



Já diria o ex-centroavante do Grêmio, Mário Jardel, “clássico é clássico e vice-versa”. Com um começo pegado, os ataques sucumbiram as ações das defesas e o placar não saiu do zero. Os Pirates até que tiveram a oportunidade de tomar a liderança. O kicker #9 Douglas Soares desperdiçou um field goal de 28yd.

No segundo quarto, os marinheiros abriram a contagem com um passe de 3yd do quarterabck #12 Rafael Tavares para o wide receiver #88 Ítalo Félix para touchdown. O kicker #14 Rafael Bandeira conferiu o PAT. No drive seguinte, Tavares encontrou o receiver #16 Paulo Henrique em um lançamento de 21yd para TD. Novamente Bandeira acertou o chute de bonificação. 0-14.

Durante a etapa complementar, Bandeira arrematou um field goal de 36yd para ampliar a vantagem dos azuis, garantir a vitória e manter o tabu de jamais ter perdido para os piratas. No último quarto, Bandeira ainda teve a chance de colocar mais três pontos num FG de 39yd, que foi perdido. Sem conseguir reagir na partida, os Pirates sucumbiram diante do rival citadino. Final 0-17.

O triunfo deixa o Recife Mariners na liderança com 1-0, ao lado do Arcoverde Templários, mas atrás pelo saldo de pontos. Os marinheiros voltam a campo no dia 1º de abril, quando encara os Templários.

Enquanto que o Recife Pirates inicia a campanha com 0-1. O lado negro da Capital terá pela frente o Recife Horses (0-1), que também perdeu na abertura da competição. O duelo também está agendado para o dia 1º.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment