Santana como buzzer beater define vitória do Santa Maria Soldiers contra o Coritiba Crocodiles

Santa Maria Soldiers encerra um tabu de nove anos do Coritiba Crocodiles contra equipes gaúchas. Foto Vinícius Basso/FA Paranaense/Futebol Americano Brasil

Épico. O Santa Maria Soldiers conquistou a façanha de encerrar um tabu histórico contra de programas gaúchos contra o Coritiba Crocodiles, no Paraná. No sábado (18), o placekicker #8 Fabrício Santana foi buzzer beater responsável pelo triunfo fora de casa pelo placar de 3 a 0, com um field goal a três segundos do fim da partida. O evento foi realizado no Croco Stadium, em Curitiba, em partida válida pela semana 8 do Brasil Futebol Americano (BFA).

Confira a classificação do BFA

A invencibilidade dos Crocodiles como mandantes diante de equipes gaúchas durou nove anos. De 2010 a 2018, foram seis jogos e seis vitórias. Porto Alegre Pumpkins (atual Armada Lions Futebol Americano), Santa Cruz Chacais, Juventude e Santa Maria Soldiers caíram para o Croco sempre quando foram visitantes.

Confira o histórico dos Crocodiles contra programas gaúchos em jogos no Paraná

2010 – Liga Brasileira de Futebol Americano (LBFA)
Barigui Crocodiles 24-0 Porto Alegre Pumpkins

2011 – Liga Brasileira de Futebol Americano (LBFA)
Coritiba Crocodiles 19-2 Porto Alegre Pumpkins

2012 – Liga Brasileira de Futebol Americano (LBFA)
Coritiba Crocodiles 41-0 Santa Cruz Chacais

2013 – Campeonato Brasileiro de Futebol Americano (CBFA)
Coritiba Crocodiles 63-0 Santa Maria Soldiers

2017 – Brasil Futebol Americano (BFA)
Coritiba Crocodiles 47-0 Juventude

2018 – Brasil Futebol Americano (BFA)
Coritiba Crocodiles 15-7 Santa Maria Soldiers

O jogo

A história começou a favorecer o roster do Rio Grande do Sul no arranque da partida. O drive liderado pelo signal caller #15 Douglas Rodrigues entrou em field goal range. Santana teve a oportunidade de inaugurar o marcador em um complicado arremate de 49yd. O chute, porém, não obteve sucesso devido ao forte vento mudar a trajetória da bola.

No resto do quarto, as duas secundárias trataram de dominar o jogo aéreo. O quarterback #4 Ramon Martire foi interceptado pelo safety #11 Arthur Walker, enquanto Rodrigues sofreu o revés diante do safety #43 Felipe Dias.

Ao longo do segundo período, o jogo de trincheiras sobrepujou as linhas ofensivas, para impedir a produção do ataque e ameaças às metas. O jogo seguiu sem pontuação no resto do primeiro tempo. 0-0.

Na volta do intervalo, as trocas de posse de bola seguiram. O time de Santa Maria ainda conseguiu recuperar um fumble por erro no handoff de Martire para o running back #17 Francelino Sanhá. Contudo, o turnover não foi capitalizado pela equipe gaúcha.

No seguimento do último quarto, rodrigues novamente comandou o ataque dos Soldiers em field zone range. Santana mais uma vez teve a chance de colocar três pontos, desta vez, em um field goal de 43yd. Novamente não convertido.

Com mais quatro minutos a serem jogados, Rodrigues tratou de gastar o relógio na última posse para escrever a nova página no futebol americano do Rio Grande do Sul. Uma big play do quarterback para o wideout #14 Nathan Dias manteve viva a chance de vitória. Abusando do jogo terrestre com o halfback #32 Guilherme Busanello, os Soldiers finalmente entraram na redzone rival. A três segundos do fim, Santana entrou para converter o field goal de 27yd e confirmar a glória em Curitiba. Final 0-3.

O resultado mantém o Santa Maria Soldiers na liderança da Conferência Sul com campanha invicta de 3-0. O próximo compromisso será no dia 31 de agosto, quando recebe o Jaraguá Breakers (0-2), em Santa Maria.

Já o Coritiba Crocodiles ocupa a quinta colocação com recorde de 1-2. O programa volta ao relvado também no dia 31, quando visita o Timbó Rex (1-1), em Timbó.

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment