Santos Tsunami dá adeus aos playoffs; Jundiaí Ocelots garante vaga na próxima etapa

Defesa do Santos Tsunami cede no último quarto para vitória do Jundiaí Ocelots. Foto Alexia Faria/Tsunami

O Santos Tsunami deu adeus a chance de classificação aos playoffs da São Paulo Football League (SPFL) após perder em casa para o Jundiaí Ocelots de virada por 12 a 8. O evento foi realizado no domingo (27), no CT Meninos da Vila, em Santos, pela semana 12 do certame paulista.

Confira a classificação da SPFL

O jogo foi inspirado para ambos os programas de futebol. Os meninos do Tsunami mostraram grande empenho na última partida, mas os visitantes deixaram claro que também queriam a vaga no campeonato.

Ainda no primeiro quarto de jogo, o jogador Daniel Ukla abriu o placar no CT Meninos da Vila, em uma corrida de 3 jardas; e a conversão de dois pontos veio do passe entre o signal caller Júnior e o fullback Bombeiro.

Ainda no primeiro tempo da partida a equipe dos Ocelots marcou seus primeiros pontos. Num retorno de kickoff, o wide receiver Aquian Felício, o “Filé”, anotou o touchdown para os visitantes, mas a equipe não converteu o try de dois pontos. 8-6.

Na volta do intervalo a partida não teve muita emoção. Já no último quarto, os Ocelots chegaram na primeira descida na linha de uma jarda. Porém, com uma falta na jogada eles voltaram para linha de 6 jardas, onde então, saiu mais um touchdown. Desta vez em uma corrida do quarterback Zanata. Os jogadores da casa ainda conseguiram bloquear o PAT. Os mandantes não conseguiram esboçar reação para tomar a liderança novamente. Final 8-12.

O resultado mantém o Santos Tsunami na quinta colocação com campanha de 1-4. O time encerra a participação na temporada regular no dia 9 de junho, quando encara o Mooca Destroyers (1-4).

Enquanto que o Jundiaí Ocelots garante vaga na próxima etapa. O time ocupa a segunda posição com 4-1. O último compromisso será no dia 16 de junho, quando enfrenta o Corinthians Steamrollers (4-1).

Comentários? Feedback? Siga-nos no Twitter em @fabrnoticias e curta-nos no Facebook.

Leave a Comment